Guten é a nova cliente da Printec Comunicação

Publicado em em Guten Educação e Tecnologia, Printec Comunicação.

Com soluções de leitura que integram conteúdo, tecnologia e pedagogia, a Guten quer transformar jovens estudantes em leitores proficientes e engajados. O desafio é ajudar a reverter a baixa proficiência em leitura no Brasil.

Guten_logo

São Paulo, 15 de agosto de 2016 – Empresa da área de educação que tem a missão de transformar jovens estudantes em leitores proficientes e engajados, a Guten é a nova cliente da Printec Comunicação na área de assessoria de imprensa. Com foco em soluções de leitura para o Ensino Fundamental, a Guten acredita que a boa leitura é uma competência essencial para o acesso ao mundo do conhecimento e para responder às demandas do século 21.

O desafio é grande: no Brasil, 50% dos estudantes com 15 anos no país não atingem o nível básico de proficiência em leitura e apenas 0,5% alcança o nível máximo de proficiência, de acordo com dados do Pisa (Programa Internacional de Avaliação de Alunos). Mais grave ainda é que os estudantes, segundo dados consolidados a partir da Prova Brasil, têm resultados decrescentes ao longo da vida escolar: no quinto ano, 60% dos alunos têm aprendizado inadequado da leitura; e no nono ano, quando se espera que esse índice seja menor, há uma piora: 77% dos alunos têm aprendizado inadequado, considerado “básico” e “insuficiente”.

“Essa realidade tem um efeito multiplicador negativo sobre o avanço do conhecimento entre os jovens brasileiros, uma vez que a leitura é uma competência fundamental, que perpassa todas as áreas. Se o aluno tem dificuldades na leitura, essa deficiência irá se repetir nas outras disciplinas, prejudicando também o seu entendimento”, afirma Danielle Brants, empreendedora que criou a Guten em 2014.

A iniciativa ficou entre os projetos vencedores da edição brasileira do prêmio Inovadores com Menos de 35 Anos, da revista MIT Technology Review, que reconheceu as 10 maiores inovações do Brasil em 2015. No mesmo ano, foi selecionada também como Inovação Social do Ano. A publicação pertence ao Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e o reconhecimento é considerado uma referência mundial na descoberta de talentos que usam a tecnologia para resolver problemas sociais. “Costumamos dizer que a leitura é uma competência invisível mas fundamental ao bom aproveitamento de todas as demais disciplinas e fontes de conhecimento. Por isso, a estratégia da Guten é ajudar a desenvolver habilidades para criar grandes leitores”, destaca Danielle.

No mês de junho, a Guten foi a empresa brasileira selecionada para representar o Brasil no programa global Project Literacy Lab, cujo objetivo é a erradicação do problema mundial da leitura, que hoje atinge 757 milhões de pessoas ao redor do planeta. Comprometida com a causa, a Guten fará parte de um conjunto de 16 empresas de vários países que têm a meta de trabalhar para erradicar o problema do letramento até 2030 (http://projectliteracylab.com/).

Desenvolvidas por especialistas em educação e tecnologia, as soluções da Guten são únicas no segmento educacional – aliam interface, conteúdos prazerosos e didática para engajar estudantes na leitura, ao mesmo tempo em que permitem o acompanhamento contínuo. A soma de conteúdo diferenciado e avaliação traz evidências educacionais de leitura que permitem ao professor personalizar o ensino e fazer com que cada aluno possa atingir seu potencial como leitor, dominando não apenas habilidades básicas, mas outras competências como diferenciar fatos de opinião, usar o raciocínio lógico e trabalhar de forma conectiva.

As soluções de leitura da Guten são utilizadas por escolas como Pentágono, Porto Seguro, Pueri Domus e Bandeirantes, com o objetivo de permitir que cada estudante atinja seu potencial como leitor. As plataformas são o Guten News e o Guten Pro, disponibilizadas na versão web e para iPad. A empresa tem uma base de clientes com 50 escolas, com cerca de 17 mil usuários. A receita vem de contratos anuais com as instituições e deve ganhar escala uma vez que, segundo Danielle, os educadores estão à procura de novas soluções de aprendizagem.

Guten News e Guten Pro

O Guten News é o primeiro jornal digital interativo do Brasil dedicado ao público infantojuvenil. Conta com cinco editorias – mundo, Brasil, comportamento, cultura e bem-estar –  e notícias exclusivas produzidas pela equipe da Guten, baseadas em fatos reais, com um extenso processo de elaboração e revisão. São temas atuais que conectam o público infantojuvenil ao mundo e aguçam o senso crítico, além de atenderem à demanda dos educadores, que buscam conteúdo de qualidade, com valor educacional e engajador.

Para cada uma das notícias há atividades de pré-leitura, que garantem conhecimentos prévios sobre o tema, e de pós-leitura, que avaliam a compreensão do texto lido. As atividades têm como parâmetro as matrizes de referência, com os 21 descritores de habilidades leitoras, definidas pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) e utilizadas pelo Saeb (Sistema de Avaliação da Educação Básica) e pela Prova Brasil. Exemplos de notícias: Rio 2016; impeachment; inflação; os dialetos do Brasil; entrevista com Arthur Zanetti etc. O Guten News é publicado semanalmente. Após cada edição, é enviado aos professores um arquivo de suporte, chamado Orientação ao Educador.

Já o Guten Pro é uma ferramenta de acompanhamento contínuo das competências leitoras – mapeia o desenvolvimento dos estudantes, mostrando lacunas de aprendizagem específicas em leitura e auxiliando os professores no seu plano de aula. O que se forma, portanto, é um círculo virtuoso que fornece ao professor a possibilidade de avaliar e de trabalhar as necessidades, habilidades e competências específicas de cada aluno.

“Em um mundo pontuado pelo excesso de informação, em que é cada vez mais difícil separar fato de opinião, as soluções da Guten para o Ensino Fundamental foram criadas com o objetivo de transformar a maneira como a leitura é inserida em nossas vidas, a maneira como é realizada no ambiente escolar e em casa. Queremos causar impacto na vida dos jovens brasileiros, transformar o modo como enxergam o mundo, ampliar seus horizontes, acreditando que grandes leitores podem ser também grandes agentes de transformação da sociedade”, afirma Danielle Brants.

A equipe da Guten é formada por especialistas em gestão, marketing/novos negócios, psicopedagogia, linguística aplicada e linguística computacional, além de jornalistas, revisores especializados em linguística, desenvolvedores de software e designers gráficos.

 

TEMAS QUE PODEM SER ABORDADOS

  • Tendências educacionais mundiais: Como a tecnologia torna tangível o uso de evidências educacionais para personalizar o ensino.
  • O que significa ser um bom leitor?: Ser proficiente em leitura não significa apenas compreender letras e palavras, mas diferenciar fatos de opinião e outras competências de nível mais alto, como raciocínio lógico com base em evidências e trabalhar de forma conectiva. Além disso, ter uma atitude positiva frente à leitura. Como chegar lá?
  • Como superar o baixo nível de proficiência em leitura dos estudantes brasileiros? Como transformar a maneira como a leitura é inserida em nossas vidas e a maneira como é realizada no ambiente escolar e em casa?
  • Tecnologia & escolas: As soluções da Guten e o impacto positivo para alunos, professores e escolas no planejamento das aulas, desempenho e acompanhamento dos alunos. Os cases de sucesso. 
  • Motivação e engajamento: Em uma época de excesso de informações, como motivar e engajar o público infantojuvenil na leitura, oferecer conteúdos criativos, relevantes e personalizados, fazendo com que grandes leitores sejam agentes de transformação da sociedade? Como lidar com novidades como Pokémon?

 

Sobre Danielle Brants, empreendedora da Guten

Administradora de empresas formada pela FGV-SP, Danielle Brants trabalhou oito anos no mercado financeiro, com Investment Banking no banco Morgan Stanley; e com private equity e venture capital na Emerging Capital. Foi também associada-sênior de fusões e aquisições na G5 Advisors/Evercore e diretora-associada de desenvolvimento de novos negócios na General Electric.

DanielleBrants_GutenDisposta a deixar um legado, uma marca na vida das pessoas, Danielle decidiu fazer a diferença na área da educação: “Pessoalmente, acredito que a única maneira de mudar o país é por meio da educação. E a forma como achei para colaborar com essa transformação foi empreendendo com a leitura”.

Em 2014, participou do Think Tank on Global Education na Universidade de Educação de Harvard (Harvard Graduate School of Education).

Na Guten, Danielle é responsável pela administração e pela coordenação entre as diversas áreas de conhecimento da empresa: tecnologia, educação, jornalismo e linguística computacional.

À frente da líder estão também Leticia Reina (líder Pedagógica), Adriana Pettengill (líder de Desenvolvimento de Novos Negócios e Parcerias) e Livia Aluisi Cucatto (líder de Pesquisa e Desenvolvimento).

http://www.gutennews.com.br/

 

Printec Comunicação

Com 22 anos de atuação, a Printec Comunicação desenvolve projetos de comunicação integrada para empresas e entidades. Em Comunicação Interna, a Printec atua com consultoria, estratégias de comunicação, produção de veículos de comunicação (mural, jornais, revistas, intranet) e campanhas motivacionais destinadas a funcionários e parceiros. Na área de Comunicação Externa, desenvolve ações de assessoria de imprensa e media training; elabora e executa projetos para lançamento de produtos e serviços; e produz publicações customizadas como jornais, revistas, newsletters, relatórios institucionais, balanços sociais e sites. Na área de Projetos Especiais, a Printec  atua no gerenciamento de crises e desenvolve projetos de relacionamento de empresas com a comunidade, parceiros e clientes. Na área digital, a agência desenvolve conteúdos para mídias digitais e APPs.

Entre os clientes da agência de comunicação integrada estão: A Corrente do Bem; Actis – The Positive Power of Capital; Artemisia; Alcoa; Banco de Alimentos; Citi Brasil; Din4mo – Inovadores de Impacto; Folha de S. Paulo – Prêmio Empreendedor Social; Força Tarefa Brasileira de Finanças Sociais; Giacometti Comunicação; Great Place to Work; Instituto de Cidadania Empresarial (ICE); Shopper Experience; WABCO South America; e Zhuo Consultoria em Gestão, Inovação e Estratégia de Marca.

 

MAIS INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA

Printec Comunicação www.printeccomunicacao.com.br

Visite a página da Printec Comunicação no Facebook

Eleni Rocha eleni.rocha@printeccomunicacao.com.br

Betânia Lins betania.lins@printeccomunicacao.com.br

55 11 5185 4970